HQs: @LiamPayne no red carpet da festa de nomeação do #BRITs hoje, em Londres. (13/01) #2 pic.twitter.com/xIBy4cq4qh

Liam Payne se abre sobre sua batalha contra a depressão na época da 1D
Ana Luiza 22 novembro 2017

O cantor admitiu que ele teve que forçar um sorriso para apresentações enquanto lutava para lidar com o sucesso da banda. O jovem de 24 anos também confessou que o hiato impopular era muito necessário, mesmo que os fãs fossem devastados pelas notícias.

Ser um membro da maior boyband do mundo foi um sonho tornado realidade para LIAM PAYNE.

No entanto, apesar de vender milhões de discos, viajar pelo mundo e ganhar mais dinheiro do que ele poderia ter imaginado, sua vida na ONE DIRECTION também apresentou momentos incrivelmente obscuros.

O cantor diz a The Sun que havia noites em que ele não deveria ter estado no palco com seus colegas de banda, e ele estava sempre escondendo sua luta secreta de saúde mental quando conheceu fãs e posou para fotos.

Liam estava lutando secretamente contra demônios durante o pico do sucesso da banda. Falando em profundidade pela primeira vez sobre sua provação em uma nova e emotiva entrevista, ele revela que seus problemas ficaram tão ruins que ele nunca deveria ter permissão para fazer turnês.

Liam diz: “Eu não deveria ter feito tantos shows como nós fizemos, se eu sou honesto sobre isso, se eu sou brutalmente honesto sobre isso”

“Sair e colocar o sorriso feliz no meu rosto e cantar as músicas, honestamente, às vezes era como colocar um desses figurinos, indo lá e, debaixo do traje, as pessoas realmente não vêem o que está acontecendo.”

Liam admite que seus problemas surgiram em outubro de 2015, quando seus companheiros de banda foram forçados a cancelar um show em Belfast, Irlanda do Norte, porque Liam tinha ficado doente.

Na verdade, Payne tinha acabado de se separar de sua ex namorada, Sophia Smith, e ele estava lutando para lidar com o termino.

Liam lembrou: “Eu deixo isso pra mim naquele dia. Eu não estava em um bom lugar. Infelizmente eu estava passando por um tempo difícil e eu deixei que eu me alcançasse um pouco demais. Foi isso.”

Liam admite que a decisão do grupo de se separar no final de 2015 foi muito saudável – e deu a si mesmo e a seus companheiros de banda a chance de realmente apreciar o que eles conseguiram.

“Eu simplesmente não acho que paramos e comemoramos o quão ótimas foram as coisas e acho que é isso que acabou realmente com nós no final”, acrescenta.

“Foi como, ‘Oh, você acabou de ganhar três EMAs, mas suba no avião e vá para o próximo lugar.” Mas desde que se tornou um cantor solo e lançando novas músicas, incluindo Bedroom Floor e Strip That Down, ele está se sentindo bem melhor.

Liam explicou sobre o hiatus da banda:

“Mesmo sabendo que os fãs não iam ficar loucos por isso (hiato) … nós precisávamos disso. Precisávamos um pouco de tempo um fora do outro. Precisamos de um ponto de realização para encontrar o amor novamente, em vez de se tornar um emprego.”

“Eu sou uma pessoa totalmente diferente agora como eu costumava ser sobre isso.”

 

FONTE: The Sun

arquivado em:
Comentários Deixe seu comentário
Todos os direitos reservados ao Liam Payne Brasil • Hosted: Flaunt
error: Caso queira algum dos nossos textos, envie um e-mail!